11 maio, 2012

Gelo e limão

Ele bebia sua água com gás num copo com gelo e limão com a gravidade de quem bebe algo muito forte. Não precisava de bebida alcoólica, seus pensamentos já cuidavam de embriagá-lo. Tinha o olhar fixo. Refletia sobre o encontro com Ela. Sentia que se apaixonar se tornara algo tristemente banal, e se sentia apaixonado por Ela sem saber mais o que isso significava. Era pra ser simples, mas Ela duvidou da sua paixão e fez com que ele começasse a racionalizar o próprio sentimento. Ela mexeu com a cabeça dele. Estava sentado em uma mesa à beira da rua com a companhia do seu copo d’água com gelo e limão; a música no seu fone de ouvido silenciava o burburinho das pessoas e o barulho dos carros, todo aquele movimento confuso se tornava quase lento: she looks like the real thing...

<$BlogItemCommentsCount$> Comentários:

Blogger Janine Brunov disse...

Este comentário foi removido pelo autor.

11/10/13 18:16  

Enviar um comentário

<< Home